Arquivo do mês: setembro 2014

Dicas para escolher o transporte escolar dos filhos

??????????????????????????????????????????????????????????????????????

A locomoção dos estudantes de casa para a escola e vice-versa é geralmente feita por condução particular. A distância, segurança e comodidade são razões das quais fazem os pais optarem por este serviço.

A contratação desta prestabilidade requer algumas observações para resguardar a segurança dos filhos. Quando a condução não é da própria escola, mas oferecida por profissionais autônomos é necessários tomar nota de alguns detalhes que devem ser seguidos por quem pratica o ofício do transporte de alunos.

O automóvel deve preencher todas as regras exigidas por lei e que funcionam como medidas de segurança para o motorista e os passageiros. É uma relação similar como a do condutor de carro passeio que deve fazer as revisões corriqueiras, optar por uma boa seguradora de carro que tenha um seguro cujos benefícios guardem a segurança do automóvel, além do respeito às leis de trânsito.

Atenção ao número de passageiros

Quando se transporta várias crianças o número de cintos de segurança deve ser igual aos dos passageiros. Os vidros das janelas só podem ser abertos até 15 cm, para evitar que através de brincadeiras as crianças se exponham para fora do veículo. De acordo com a idade, é necessário o carro ter as cadeirinhas adequadas para o transporte de crianças pequenas. No caso em que a capacidade de transporte for superior a 20 lugares, é exigia a presença de um acompanhante.

Selo de vistoria

Há a obrigatoriedade da renovação anual da licença e da vistoria semestral para o automóvel, com isto é colocado um selo de vistoria em cada semestre. É proibido o transporte de passageiros em pé ou no colo, é exigido também curso de Transportador Escolar regulamentado pelo DETRAN.

Habilitação do condutor

Quem conduz transporte escolar deve ter habilitação D, não é problema se os pais querem se certificar e pedem para ver a habilitação do motorista. É recomendado antes de contratar conversar pessoalmente com o profissional, manter seus contatos para em caso de dúvidas ter acesso ou para comunicar alguma informação.

Roteiro percorrido

A escolha do melhor transporte deve também levar em consideração o roteiro feito pelo veículo. Isso porque é melhor optar pelo serviço que o faz de acordo com bairros e regiões, colocando um limite no raio de quilometragem para não obrigar a criança passar horas no trânsito, rodando de um ponto a outro.

Há empresas que montam roteiros em bairros paralelos ou com alguma proximidade e combinam para o mesmo horário alunos das proximidades, o que é sempre melhor.

Conforto durante o trajeto

Quando se paga por um serviço cabe cobrar também detalhes em relação ao conforto das crianças, a limpeza do automóvel e a climatização devem estar em dia. Ainda mais quando o clima e o trânsito pesado pode fazer um trajeto ser mais difícil pelo calor e pela demora no tráfego.

1 comentário

Arquivado em publipost, Sem-categoria

A importância do inglês na carreira profissonal

 

??????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

A busca pelo aprimoramento nas carreiras exige muitas vezes o conhecimento de outros idiomas. As distâncias são menores com a tecnologias e isso coloca profissionais mais próximos, projetos com cooperação de universidades estrangeiras, programas de pós-graduação em formato sanduíche – feito parte no Brasil e parte no exterior, além da própria linguagem utilizada em algumas áreas se valerem de termos em inglês.

Apesar de outras línguas estarem alcançando uma importância mais forte no meio cultural e econômico, o inglês ainda permanece no seu topo de destaque por ser uma língua estrangeira muito falada fora dos países onde é a língua oficial. O que a realidade mostra é que saber falar inglês atualmente já é considerado um conhecimento básico, já esperado no currículo de profissionais de várias áreas, sendo aconselhável ainda incluir outras línguas além do inglês.

Por isso, quem ainda não dedicou tempo ou não decidiu investir neste conhecimento, está abaixo do que o mercado exige para várias profissões.

A internet, por exemplo, introduziu muitas palavras estrangeiras no nosso vocabulário. E é neste meio que pesquisas e informações são buscadas e publicadas a cada segundo, não entender inglês cria uma lacuna que nem sempre é solucionada com google tradutor.

Graças a diversidade de tipos e modalidades de cursos de inglês é possível sim ajustar o bolso e o tempo para se dedicar. Se pensarmos como era há décadas atrás, havia somente cursos muitos caros e tradicionais para famílias abastardas. Hoje há novos cursos com uma pedagogia modernizada, com uso de tecnologias que unem o conhecimento e um ambiente agradável de aprendizado, com custos mais acessíveis.

O elemento tempo também ganhou pelo fato de existirem cursos online de inglês, alguns pagos e outros gratuitos, em que é possível melhorar o conhecimento, enriquecer o vocabulário e manter em dia o foco das atividades das línguas estrangeiras sem sair de casa, ou mesmo no intervalo de aulas na faculdade.

Empresas multinacionais que realizam campanhas e parcerias com grupos estrangeiros colocam como prioridade a fluência em outros idiomas. O turismo e a comunicação também são áreas em que a desenvoltura no inglês pode ser determinante para uma vaga. Pequenos exemplos que demonstram o quão é significativo o investimento pessoal neste campo.

Deixe um comentário

Arquivado em educação, publipost, tecnologias