Arquivo da tag: mídias

Finalizando o curso Tecnologias na Educação – turma 01 de 2012

Como é bom cumprir uma etapa, alcançar um objetivo, concluir um projeto, conquistar um sonho! 🙂
Estamos encerrando o curso do programa Proinfo Integrado “Tecnologias na Educação: ensinando e aprendendo com as TIC“. Foram 4 meses de muito estudo e muito trabalho. Para muitos professores foi a primeira experiência de curso na modalidade semi-presencial. O curso de 100h teve 9 encontros presenciais em que pudemos discutir  os vários temas propostos e também aprender novas ferramentas midiáticas para aplicar com os alunos. A seguir um breve resumo das principais atividades desenvolvidas.
No primeiro módulo “Tecnologia na Sociedade, na Vida e na Escola”, a partir da leitura e reflexão sobre os assuntos lidos, os primeiros textos em duplas foram produzidos e publicados no blog do curso. Como atividade prática uma pesquisa sobre as tecnologias utilizadas nas escolas traçou um panorama a respeito da atual existência e utilização das TIC nas unidades escolares. Para apresentar os resultados da pesquisa foi utilizada o primeiro recurso online: o Google Docs.
Também neste primeiro módulo iniciamos o estudo sobre Mapas Conceituais e WebQuests que foram aprofundados no módulo seguinte.
Além dos estudos a distância cada módulo teve também como atividade online a participação nos Fóruns de Discussão. Os fóruns ofereceram uma oportunidade a mais de troca de ideias e interação entre os cursistas.
No módulo 2 “Internet, Hipertexto e Hipermídia” estes conceitos foram estudados e também vivenciados. Os blogs/portfólios dos cursistas foram criados durante o encontro presencial e começaram a ser alimentados com os relatos de aplicação das atividades desenvolvidas nas escolas utilizando os Mapas Conceituais e as WebQuests. Estas metodologias permitiram aos professores exercitarem a autoria e o planejamento de atividades desafiadoras para seus alunos além de vivenciarem a aplicação da teoria em sala de aula. As impressões sobre estas experiências fazem parte dos registros nos portfólios.
Durante o terceiro módulo “Currículo, Projetos e Tecnologias” pudemos aprofundar a reflexão sobre práticas de integração de tecnologias ao currículo.  A partir da leitura do texto “Os desafios da linguagem do século XXI para a aprendizagem na escola” de Pedro Demo, os professores elaboraram um hipertexto e puderam expor suas ideias  através de palavras, imagens, vídeos, apresentações e hiperlinks.
O último módulo do curso “Prática Pedagógica e Mídias Digitais”  permitiu analisar e experimentar algumas possibilidades de incorporar esses meios ao trabalho pedagógico através da criação de jogos digitais e a produção de atividades online utilizando o formulário do Google Docs aliado a vídeos do YouTube.
No Fórum de Discussão os alunos analisaram o panorama de uso das mídias nas escolas e  discutiram a respeito de suas possibilidades como aliadas ao processo de ensino e aprendizagem.
Não posso deixar de ressaltar aqui o empenho e a dedicação dos professores que participaram ativamente do curso com muito comprometimento colocando em prática, na escola, alguns dos recursos estudados. Tenho certeza de que muito mais ainda será desenvolvido com os alunos a partir destas vivências. Mais importante do que o que foi realizado é o que ainda será desenvolvido. Como uma cortina que se abre, o curso revelou várias possibilidades de uso das mídias e tecnologias na educação, provocando a reflexão e a inquietação. Saber do que é possível fazer é o primero passo para que se queira fazer!
Deixo registrado aqui meu agradecimento à Secretaria de Educação que me permitiu a convivência e aprendizagem como tutora deste grupo de pessoas tão especiais, professores que querem e que sabem que podem fazer a diferença na vida de seus alunos.
Obrigada, professores, sentirei saudades de todos, mas continuarei acompanhando o belíssimo trabalho de vocês através dos seus portfólios:
Turma do matutino
Turma do vespertino
Como última atividade proponho uma avaliação dos professores cursistas utilizando o sistema de comentários considerando aspectos como: formato do curso, você como aluno de EAD, conteúdos teóricos e organização modular, atividades a distância, encontros presenciais, aplicação prática com os alunos, conhecimentos construídos, dificuldades encontradas, obstáculos vencidos, atuação da tutoria, material do curso e o ambiente EAD.
Um grande abraço e obrigada a todos pela companhia durante estes quatro meses. Sucesso!

45 Comentários

Arquivado em educação, ferramentas, internet, mídias, professor, tecnologias, vídeo

Para Entender as Mídias Sociais

Divulgando material informativo:

Ebook “Para Entender as Mídias Sociais” será lançado dia 25 de abril

Obra reúne 36 autores e terá download gratuito

Nos últimos dois meses, pesquisadores e profissionais de mídias sociais de diversas áreas reuniram-se, de modo voluntário, para a produção do ebook “Para Entender as Mídias Sociais”. O lançamento acontece no dia 25 de abril, segunda, às 17h, com a divulgação do link para download gratuito da obra nos sites:
http://paraentenderasmidiassociais.tumblr.com
http://paraentenderasmidiassociais.blogspot.com
Com o objetivo de estimular o debate em torno deste universo em plena ascensão, o livro é composto por artigos curtos, cada um deles abordando temas que atravessam as redes de relacionamento como Política, Educação, Celebridades, Jornalismo, Mobilidade, Relevância, Mercado de Agencias e tantos outros.
A publicação está dividida em 5 núcleos: Bases, sobre plataformas, linguagens, tecnologias e ambientes por onde as redes acontecem; Mercado, enfatizando assuntos ligados à comunicação e empresas; Redação, com foco ao uso das mídias sociais pelo jornalismo e seus desdobramentos; Persona, dedicado à cultura pop e seus sub-produtos e, por fim, Social, tocando em temas fundamentais para a sociedade que estão presentes de modo significativo nas redes de relacionamento.

O PROJETO
A iniciativa do projeto é da jornalista e mestre em comunicação Ana Brambilla, que assina a organização da obra. A publicação terá licença Creative Commons, sendo permitida a cópia e livre distribuição do ebook, desde que para fins não comerciais e com citação da fonte.
A capa do livro é criação do designer Rogério Fratin que, assim como os autores e a organizadora, fez todo o trabalho sem qualquer remuneração.
O modelo, conhecido como “flashbook”, é original do livro eletrônico “Para Entender a Internet”, promovido pelo pesquisador de mídias digitais Juliano Spyer, durante a Campus Party de 2009.
É o próprio Juliano Spyer quem assina o prefácio do livro, que conta, ainda, com apresentações de Edney Souza, sócio-fundador da agência Pólvora e da pesquisadora Raquel Recuero, autora do livro “Redes Sociais”.

PRÓXIMOS PASSOS
Mais do que um ebook, “Para Entender a Internet” deve se tornar um projeto em constante progresso. Em compatibilidade ao modelo aberto das redes sociais, a iniciativa também deve dar espaço para outros profissionais e pesquisadores que tenham as mídias sociais como foco. Para isso, basta submeter uma proposta de artigo em um dos blogs acima citados. Os temas e textos serão avaliados com vistas à publicação de um segundo volume.

1 comentário

Arquivado em internet, Notícias, tecnologias

Sobre mídias e tecnologias

Utilizamos tantas tecnologias em nosso dia-a-dia que muitas vezes nem nos damos conta do quanto estão presentes e facilitando nossa vida. Vamos incorporando seu uso automaticamente todo o tempo, seja em casa, no trabalho ou no lazer.
Os meios de comunicação de massa como a TV, o jornal e o rádio disponibilizam a informação de forma unilateral e, muitas vezes tendenciosa, atendendo a interesses políticos e/ou capitalistas. Não há participação dos receptores na programação ou conteúdo.
Com o surgimento a internet, este cenário se transforma, uma vez que o usuário tem a possibilidade de interagir, comunicar-se e também produzir conteúdos e publicá-los na rede. A utilização do correio eletrônico permite a comunicação rápida, as listas de discussão criam verdadeiras comunidades de aprendizagem reunindo pessoas com interesses comuns para a troca de informações e ajuda mútua. Os usuários podem criar seus próprios grupos e fóruns . Novas redes sociais surgem diariamente. Os sites de relacionamento não são utilizados apenas como entretenimento, mas também como uma opção a mais para encontrar parceiros de trabalho ou estudo. Os cursos EAD proporcionam a comunicação com pessoas de diferentes locais através de atividades e comunicação síncrona e assíncrona, além da comodidade de se poder estudar em locais e horários mais convenientes para cada usuário. Através da web novas formas de comunicação e distribuição de conteúdo estão disponíveis de forma muito mais democrática, sites como o YouTube permitem a divulgação de vídeos produzidos pelos usuários, assim como as rádios web através dos podcasts. Blogs, fotologs e videologs inicialmente utilizados pelos adolescentes como diários virtuais, publicação de fotos e vídeos para compartilhamento com amigos virtuais ou não, são agora ferramentas de comunicação e interatividade utilizadas por jornalistas, escritores, empresas. Na educação são recursos que ainda não são muito explorados pelos professores, mas de grande potencial educacional se utilizados de forma contextualizada e com objetivos bem definidos.

imagem em: http://www.cambridgenetwork.co.uk/

5 Comentários

Arquivado em Rascunhando

Curso Mídias na Educação

No dia 07 de fevereiro, recebi finalmente a confirmação de minha matrícula no curso EAD Mídias na Educação. O curso, oferecido aos professores da rede pública, é uma iniciativa da Secretaria de Educação a Distância do MEC que contou com a parceria de Instituições Públicas de Ensino Superior e Secretarias de Educação, além da colaboração de renomados educadores.

O primeiro encontro presencial aconteceu em novembro aqui em Joinville, portanto não participei. Estou correndo atrás do prejuízo, pois já está em andamento o módulo III e eu ainda às voltas com tarefas do segundo módulo. Um problema que também atrapalhou bastante foi a instabilidade da plataforma que nos finais de semana ficava inacessível. Mas o importante é ter conseguido a vaga e participar do curso. O material é ótimo e espero aprender bastante. Estudar é muito bom!

“Na era da tecnologia, a utilização dos diversos meios de comunicação dentro de sala de aula se faz cada vez mais necessária para tornar o processo de ensino-aprendizagem mais interessante. É, portanto, com esse objetivo que dedicamos aos profissionais de educação um curso totalmente voltado para a utilização das mais variadas mídias, sejam elas de TV, rádio ou informática.”

CARLOS EDUARDO BIELSCHOWSKI
Secretário de Educação a Distância

http://www.eproinfo.mec.gov.br

5 Comentários

Arquivado em Rascunhando